Cookies
Usamos cookies para melhorar nosso site e a sua experiência. Ao continuar a navegar no site, você aceita a nossa política de cookies. Ver mais
Fechar
  • Menu
Artigo

INESC TEC inicia projeto na área dos sistemas de produção ciber-físicos

Arrancou recentemente o projeto europeu BEinCPPS – Business Experiments in Cyber Physical Production Systems, cujo objetivo é promover a implementação de sistemas de produção ciber-físicos em pequenas e médias empresas.

11 fevereiro 2016

Mais concretamente, a equipa deste projeto pretende criar uma plataforma de produção com base na cloud em cinco regiões europeias selecionadas (Lombardia na Itália, Euskadi em Espanha, Baden Wuertemberg na Alemanha, Norte de Portugal, e Rhone Alpes na França), sendo que esta pode posteriormente ser aplicada nas mais diversas regiões europeias envolvendo centros de competência locais e pequenas e médias empresas.

O objetivo do BEinCPPS é melhorar de forma dramática a adoção de sistemas de produção ciber-físicos por toda a Europa através da criação e promoção de ecossistemas regionais de inovação constituída por centros de competência, empresas de produção e PME na área das tecnologias da informação.

Espera-se que os sistemas de produção ciber-físicos (CPPSs), ao fazerem uso dos mais recentes desenvolvimentos ao nível das ciências da computação, tecnologias da informação e comunicação por um lado, e das tecnologias e investigação na área de produção por outro, conduzam a Europa à chamada 4ª Revolução Industrial.

Em Portugal participa o Centro de Engenharia de Sistemas Empresariais (CESE) do INESC TEC como especialista nesta área, a Kyaia como demonstrador e o Centro Tecnológico do Calçado (CTC) como entidade representante do setor e responsável pela divulgação dos resultados. A equipa do INESC TEC envolvida neste projeto conta com César Toscano, Rui Rebelo e Pedro Ribeiro.

O projeto integra mais de duas dezenas de parceiros da Itália, Espanha, Alemanha, França, Sérvia, Suíça e Áustria. É coordenado pelo Politécnico de Milão.

Os investigadores com ligação ao INESC TEC mencionados no corpo da notícia têm vínculo ao INESC TEC.

INESC TEC, janeiro de 2016