Cookies
O website necessita de alguns cookies e outros recursos semelhantes para funcionar. Caso o permita, o INESC TEC irá utilizar cookies para recolher dados sobre as suas visitas, contribuindo, assim, para estatísticas agregadas que permitem melhorar o nosso serviço. Ver mais
Aceitar Rejeitar
  • Menu
Artigo

Ubirider: Startup do INESC TEC segura quase €2M em ronda de financiamento

O financiamento angariado pela Ubirider vai permitir à empresa crescer internacionalmente e reforçar as suas equipas de desenvolvimento de produto e marketing. A ronda de financiamento foi coliderada pelos fundos de investimento portugueses Techtree Investments e Cedrus R&D III e com a participação de dois business angels – José Santos (Portugal / EUA)  e Andrés Alcalá (Colômbia) – resultando num total de 1,95 milhões de euros de investimento na startup cofundada pelo INESC TEC.

02 abril 2024

Cidades portuguesas como Lisboa, Évora, Faro, Beja ou Cascais já usufruem dos serviços da empresa Ubirider que, através do desenvolvimento da Ubirider – uma plataforma digital mobility-as-a-service (MaaS), já registou mais de 11,4 milhões de transações – para simplificação do planeamento, reserva e pagamento de viagens multimodais. A ideia, agora, e graças ao financiamento angariado, é levar esta plataforma além-fonteiras, expandindo o negócio internacionalmente e reforçando o papel da Ubirider no mercado fintech de mobilidade.

“Em parceria com a Mastercard, implementamos com sucesso a nossa plataforma de pagamentos digitais em operadores de transporte público em Lisboa, Évora, Faro e Beja. Estas implementações, aliadas à utilização da plataforma MaaS nessas cidades e também em Cascais, resultaram em cerca de 300 mil utilizadores registados e 2,1 milhões de bilhetes vendidos”, explica Paulo Ferreira dos Santos. De acordo com o CEO da Ubirider, a utilização bem-sucedida da solução, em Portugal, e a parceria estratégica quer com a Mastercard, quer com outras empresas como a Deloitte, a Payshop, ou o banco tecnológico europeu Viva.com, demonstram o potencial da tecnologia da startup portuguesa.

“Não estamos apenas a contribuir para tornar a experiência de utilização de transportes significativamente melhor, mais integrada e mais simples para os utilizadores, mas também a capacitar os operadores de transporte e mobilidade, uma vez que a partir da nossa solução conseguem obter dados significativos, em tempo real, sobre as tendências de viagens. Esta informação é extramente relevante para aumentar a eficiência da gestão, mas também para tornar mais fácil o acesso aos serviços de transporte e a interoperabilidade com outros meios de transporte ou mobilidade, um aspeto essencial para atrair e melhor servir os passageiros”, refere o responsável.

Certo é que, no início do mês de março, a Ubirider fechou uma ronda de financiamento, no total de 1,95 milhões de euros, coliderada pelo Techtree Investments – um fundo de investimento dos CTT gerido pela Iberis Capital e pelo Cedrus R&D III – um fundo de investimento gerido pela Cedrus Capital. “Este financiamento vai-nos permitir expandir a empresa internacionalmente e reforçar as nossas equipas de desenvolvimento de produto, de marketing e de vendas”, avança Paulo Ferreira dos Santos – uma estratégia alinhada com a crescente tendência pela procura de soluções quer de bilhética, quer de pagamentos digitais.

“O feedback positivo que recebemos por parte dos nossos clientes incentiva-nos a melhorar continuamente as nossas soluções, de forma a criarmos uma experiência de viagem mais conveniente para os passageiros, mas também para oferecer aos operadores de transporte, independentemente da sua dimensão, uma plataforma digital que visa otimizar a eficiência operacional e comercial.”

Recorde-se que em 2019 a Ubirider lançou a app MaaS Pick, para planeamento de viagens e pagamentos multi transporte. Este sistema está disponível na Apple Store e Google Play, e permite aos utilizadores planearem viagens, pagarem bilhetes e viajarem para qualquer destino, em qualquer local, usando a melhor combinação de meios de transporte.