Cookies
Usamos cookies para melhorar nosso site e a sua experiência. Ao continuar a navegar no site, você aceita a nossa política de cookies. Ver mais
Aceitar Rejeitar
  • Menu
Artigo

Sessão online analisa a inteligência artificial no retalho alimentar em Portugal

Alípio Jorge organizou a primeira sessão do FórumIA, um evento online para dar a conhecer os desenvolvimentos de inteligência artificial em Portugal.

15 fevereiro 2021

Alípio Jorge, coordenador do Laboratório de Inteligência Artificial e Apoio à Decisão (LIAAD) do INESC TEC, organizou, no âmbito da Estratégia Nacional para a Inteligência Artificial: AI Portugal 2030, a primeira sessão do FórumIA, um evento online para dar a conhecer e compreender os desenvolvimentos de inteligência artificial (IA) em Portugal.

A inteligência artificial pode ser aplicada a vários ramos como a administração pública, ensino, formação e empresas. A primeira de uma série de sessões online decorreu no dia 11 de fevereiro e focou-se o setor do retalho alimentar. O painel composto por representantes da SONAE, Jerónimo Martins, Agência Nacional de Inovação, entre outros, discutiu resultados alcançados, os desafios da aplicação da IA pelas grandes e pequenas empresas do setor e os atuais apoios existentes.

No seu papel de coordenador da Estratégia Nacional para a Inteligência Artificial: AI Portugal 2030, Alípio Jorge destaca a importância de se promover a investigação e inovação nesta área. “Desenvolvimento, crescimento económico, melhoria de vida para as pessoas – é isso que inteligência artificial deve trazer à sociedade, uma melhoria de vida para todos nós”, explica o investigador.

O investigador mencionado na notícia tem vínculo à FCUP.