Cookies
O website necessita de alguns cookies e outros recursos semelhantes para funcionar. Caso o permita, o INESC TEC irá utilizar cookies para recolher dados sobre as suas visitas, contribuindo, assim, para estatísticas agregadas que permitem melhorar o nosso serviço. Ver mais
Aceitar Rejeitar
  • Menu
Artigo

Investigadores do INESC TEC discutem o ensino da computação em Portugal

A conferência ENSICO trouxe a debate a importância de introduzir o pensamento computacional no ensino obrigatório em Portugal. Este evento decorreu no dia 25 de março, na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), e contou com a participação de investigadores do INESC TEC, bem como especialistas mundiais em educação e computação.

12 abril 2022

Com o mote “Living with Tecnhnology: Innovation in Education”, este evento iniciou-se com um intervenção de Simon Peyton Jones, fundador e presidente da iniciativa inglesa Computing At School a que se seguiram três debates que contribuíram para uma ampla visão sobre como é possível capacitar a atual e a próxima geração de professores e educadores. O primeiro painel de discussão abordou o ensino das ciências da computação e a formação de professores, o segundo debateu a revisão e o desenho curricular e, por fim, o terceiro focou no impacto económico e social produzido pela incorporação do ensino da computação no ensino obrigatório.

“Temos aprendido imenso com a produção de conteúdo para a ENSICO. É um bom desafio, e uma grande responsabilidade, pois não podemos influenciar negativamente a mente e a criatividade das crianças mais pequenas. Seria uma pena se o conteúdo das aulas não lhes permitisse dar azo à sua imaginação”, afirmou na conferência ENSICO José Nuno Oliveira, um dos fundadores da ENSICO, investigador do Laboratório de Software Confiável (HASLab) do INESC TEC e docente da Escola de Engenharia da Universidade do Minho.

Pedro Guedes de Oliveira, também fundador da iniciativa e consultor do Presidente do Conselho de Administração do INESC TEC, participou também nesta conferência, bem como Ademar Aguiar, Vice-Presidente da ENSICO e coordenador do Centro de Computação Centrada no Humano e Ciência da Informação (HumanISE) do INESC TEC.

O evento foi promovido pela ENSICO, Associação para o Ensino da Computação, iniciativa que conta com a participação de investigadores do INESC TEC, com o apoio da Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APDCC).

Recorde-se que a ENSICO defende o ensino da Computação para todos os estudantes do ensino Básico e Secundário propondo um programa e metas curriculares que promovem a literacia e ética digital assente no domínio das Ciências da Computação.

Os investigadores do INESC TEC mencionados na notícia têm vínculo à UP-FEUP e UMinho.