Cookies
O website necessita de alguns cookies e outros recursos semelhantes para funcionar. Caso o permita, o INESC TEC irá utilizar cookies para recolher dados sobre as suas visitas, contribuindo, assim, para estatísticas agregadas que permitem melhorar o nosso serviço. Ver mais
Aceitar Rejeitar
  • Menu
Artigo

Investigação INESC TEC na área da segurança e criptografia apresentada em conferência de topo

A investigação desenvolvida por uma equipa de investigadores do Laboratório de Software Confiável (HASLab) do INESC TEC na área da segurança informática tornou possível a apresentação de três artigos científicos na edição da ACM Conference on Computer and Communications Security (CCS), uma das conferências mais importantes nesta área a nível mundial, que decorreu em modo online de 15 a 18 de novembro.  

19 novembro 2021

Um dos artigos, intitulado “Machine-checked ZKP for NP relations: Formally Verified Security Proofs and Implementations of MPC-in-the-Head”, trata da implementação de provas conhecimento nulo, isto é, protocolos interativos que permitem a uma entidade demonstrar a uma outra que tem conhecimento de um segredo, sem ter que revelar o mesmo. “Estes protocolos podem ser utilizados, por exemplo, para anonimizar intervenientes em sistemas de criptomoedas e são relevantes para a criação de assinaturas digitais com segurança pós-quântica”, refere Hugo Pacheco, investigador do HASLab e um dos autores do artigo.

Já os artigos “Mechanized Proofs of Adversarial Complexity and Application to Universal Composability” e “EasyPQC: Verifying Post-Quantum Cryptography“ pretendem contribuir para a validação das provas de segurança para protocolos criptográficos utilizados no presente e no futuro, utilizado técnicas de verificação formal. “Estas contribuições vêm alargar o universo de aplicações da ferramenta EasyCrypt, nomeadamente permitindo agora tratar aspetos de utilização de recursos e técnicas utilizadas para justificar segurança contra ataques utilizando computadores quânticos”, menciona Manuel Barbosa, investigador do HASLab e um dos autores do artigo.

Colaboração com instituições internacionais

De referir que a primeira investigação é resultado do trabalho conjunto de Manuel Barbosa, Hugo Pacheco e José Bacelar Almeida em colaboração com SRI International, um instituto de investigação independente e sem fins lucrativos, sediado na Califórnia, EUA. Esta investigação colaborativa decorreu no âmbito do projeto SIEVE, que pretende avançar a maturidade e escalabilidade da tecnologia já existente de provas de conhecimento nulo.

Já os restantes artigos, representam o resultado do trabalho de Manuel Barbosa em parceria com uma equipa internacional de investigadores que tem contribuído para o desenvolvimento da ferramenta EasyCrypt.

 Conferência de renome na área da segurança e criptografia

A conferência CCS 2021 é classificada como A*, de acordo com o core ranking australiano que fornece avaliações das principais conferências nas áreas da computação, e tem como objetivo reunir investigadores, profissionais, programadores e utilizadores de segurança da informação de todo o mundo para explorar ideias e resultados inovadores na área.

Os investigadores do INESC TEC mencionados na notícia têm vínculo ao INESC TEC, UP-FCUP e UMinho.