Cookies
Usamos cookies para melhorar nosso site e a sua experiência. Ao continuar a navegar no site, você aceita a nossa política de cookies. Ver mais
Aceitar Rejeitar
  • Menu
Artigo

INESC TEC renova órgãos associativos

Na reunião do Conselho Geral do INESC TEC, realizada a 28 de abril, foram eleitos os Órgãos Associativos para o triénio 2021-2023 e aprovados o Relatório de Atividades e o Relatório de Gestão e Contas de 2020.

04 maio 2021

O Conselho Geral aprovou, por unanimidade, a proposta para os membros dos Órgãos Associativos para o triénio 2021-2023. José Manuel Mendonça mantém a presidência do Conselho de Administração (CA) do INESC TEC, e João Claro, acumulará os cargos de Vice-Presidente do CA e Presidente da Comissão Executiva. Cessam funções no CA, os administradores Manuel Ricardo e Bernardo Almada Lobo e assumem funções, Aníbal Matos, Professor Associado do Departamento de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores da FEUP  e cocoordenador do Centro de Robótica e Sistemas Autónomos (CRAS) e, Graça Barbosa, responsável do Serviço de Apoio Jurídico e Adjunta do CA. O Conselho de Administração fica, assim, composto por: José Manuel Mendonça (Presidente), e pelos administradores Aníbal Matos, Gabriel David, Graça Barbosa, João Claro (Vice-Presidente), José Carlos Caldeira, Luís Carneiro, Luís Seca e Rui Oliveira. A Comissão Executiva é presidida por João Claro e composta por Gabriel David, Graça Barbosa, Luís Carneiro e Luís Seca.

Na Mesa do Conselho Geral, mantêm-se como Presidente o Prof. António Sousa Pereira (Reitor da U.Porto) e como Primeiro Secretário o Prof. João Rocha (Presidente do P.Porto). O Segundo Secretário será o Prof. Arlindo Oliveira (Presidente do INESC).

No Conselho Fiscal, o novo Presidente será o Dr. José Carlos Pimentel (INESC), mantendo-se como Vogal a Prof.ª Maria Dulce Lopes (FEUP) e como Revisor Oficial de Contas a Deloitte.

O Conselho Geral aprovou ainda, por unanimidade, o Relatório de Atividades e o Relatório de Gestão e Contas de 2020, com um reconhecimento unânime, muito elogioso, do valor do trabalho que desenvolvemos num ano tão atípico e difícil. De referir ainda, que foi também  aprovado o Código de Ética do INESC TEC.

Os investigadores mencionados na notícia têm vínculo à UP-FEUP, U.Minho e INESC TEC.