Cookies
Usamos cookies para melhorar nosso site e a sua experiência. Ao continuar a navegar no site, você aceita a nossa política de cookies. Ver mais
Fechar
  • Menu
Artigo

INESC TEC participa no Mercado de Inovação Aberta em Saúde

No âmbito do TEC4HEALTH, o INESC TEC participou na quarta edição do Mercado de Inovação Aberta em Saúde, que decorreu no dia 4 de abril no Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia (INL) em Braga, com o objetivo de dar a conhecer alguns dos seus projetos desenvolvidos na área da saúde.

06 maio 2019

Esta edição do Mercado de Inovação Aberta em Saúde, que decorreu em paralelo com a edição de “Encontros com a Inovação em Saúde”, foi promovida pelo Health Cluster Portugal (HCP), pela Agência Nacional de Inovação (ANI) e pela Enterprise Europe Network (EEN) com o objetivo de apresentar o que de melhor se faz em Portugal em termos de I&D e de Inovação em Saúde, reunindo potenciais parceiros científicos, empresariais, tecnológicos e clínicos.

Representado pelo Centro de Sistemas de Informação e de Computação Gráfica (CSIG) e pelo Centro de Investigação em Engenharia Biomédica (C-BER), o INESC TEC apresentou numa sessão de demonstrações duas tecnologias: a WeSenSS e o sistema PASSUS Mobile.

WeSENSS é uma spin-off do INESC TEC, que está neste momento a terminar o seu processo de constituição, e que tem como objetivo o desenvolvimento de novos dispositivos wearable. Esta tecnologia permite uma monitorização em tempo real, através de uma interface web, da condição dos indivíduos tanto ao nível do estado fisiológico (parâmetros relacionados com stress, temperatura, atividade física, entre outras), como a nível do meio envolvente (temperatura, humidade, gases tóxicos, partículas, entre outras). Os dados recolhidos desta solução tecnológica podem ser transcritos para relatórios de saúde, onde é devolvido o feedback dos resultados aos utilizadores. A WeSENSS tem várias aplicações a nível da gestão e monitorização de equipas e está a ser aplicada no acompanhamento de bombeiros, auxiliando na gestão e apoio à decisão durante situações de risco.

Por sua vez, e apresentando-se como uma plataforma de prescrição de exercício físico supervisionado para doença arterial periférica (DAP), o sistema Passus Mobile tem como objetivo auxiliar os pacientes com DAP, através de uma interface usável, que permite a supervisão do exercício através da prescrição e monitorização de planos adaptados a cada paciente, e, por outro lado, permitir a supervisão por parte dos profissionais de saúde na evolução da capacidade física dos seus pacientes, através de uma plataforma web que permite o armazenamento e visualização das caminhadas percorridas.

Entre os vários participantes, estiveram presentes alguns representantes do Grupo José de Melo Saúde (na foto, Salvador de Mello, também presidente do HCP), que questionaram os investigadores do INESC TEC sobre as funcionalidades e o futuro dos dois projetos apresentados.

O INESC TEC esteve aqui representado por Dennis Paulino e Hugo Paredes, do CSIG, Susana Rodrigues e Erwan Spilmont, do C-BER, e Cristina Machado Guimarães, do Serviço de Apoio a Parcerias Empresariais (SAPE).

 

Os investigadores do INESC TEC mencionados na notícia têm vínculo ao INESC TEC e UTAD.