Cookies
Usamos cookies para melhorar nosso site e a sua experiência. Ao continuar a navegar no site, você aceita a nossa política de cookies. Ver mais
Aceitar Rejeitar
  • Menu
Artigo

INESC TEC em projeto europeu para utilizar Inteligência Artificial nas comunicações sem fios

O Centro de Telecomunicações e Multimédia (CTM) do INESC TEC integra um novo projeto europeu para validar experimentalmente a utilização de técnicas de Inteligência Artificial para controlo das redes Wi-Fi do futuro. Chama-se SMART e foi aprovado no âmbito da 8th FED4FIRE+ Open Call.

17 novembro 2020

Este projeto arrancou a 1 de novembro e tem como objetivo realizar um conjunto de experiências de comunicações sem fios, para validação de uma abordagem baseada em Machine Learning, com capacidade para otimizar as comunicações Wi-Fi do futuro, na qual o INESC TEC tem vindo a trabalhar no contexto de teses de mestrado e doutoramento.

Segundo Rui Campos, responsável do projeto e investigador do CTM, o SMART “vai permitir a validação experimental da abordagem baseada em técnicas de inteligência artificial para controlo das redes Wi-Fi do futuro, uma tendência crescente no domínio das telecomunicações”.

Com um financiamento de 55 mil euros e uma duração de dez meses, o projeto SMART é um dos três projetos que o INESC TEC viu aprovados nas Open Callsdo Fed4FIRE+. O primeiro projeto aprovado foi o SIMBED, cujo financiamento foi de 95 mil euros, na 3th FED4FIRE+ Open Call. Já o segundo projeto (SIMBED+), com o mesmo financiamento, foi aprovado na 5th FED4FIRE+ Open Call.

O INESC TEC é representado pela equipa do CTM composta por Flávia Procópio, Hélder Fontes, Jaime Cardoso, José Ruela, Rogério Dionísio e Rui Campos. Importa referir ainda que o projeto SMART obteve uma classificação de 55 pontos (em 60 possíveis), o segundo melhor projeto dos 4 aprovados num universo de 31 propostas submetidas.

Os investigadores do INESC TEC mencionados na notícia têm vínculo ao INESC TEC, UP-FEUP e Instituto Politécnico de Castelo Branco.