Cookies
Usamos cookies para melhorar nosso site e a sua experiência. Ao continuar a navegar no site, você aceita a nossa política de cookies. Ver mais
Fechar
  • Menu
Artigo

INESC TEC debate proteção de dados pessoais no contexto da investigação

O INESC TEC, juntamente com o Instituto de Saúde Pública da Universidade Do Porto (ISPUP), inaugurou uma série de Open Talks dedicadas ao tema da proteção de dados pessoais no contexto de atividades de I&D. A 1ª edição, focada na área da investigação em ciências da saúde, decorreu no passado dia 11 de julho, nas instalações do INESC TEC.

19 julho 2019

A 1ª Open Talk abordou algumas das implicações legais e éticas no contexto da aplicação do Regulamento Geral da Proteção de Dados (RGPD) no ramo da investigação em ciências da saúde, tendo gerado uma troca de pontos de vista e experiências num debate aberto e público.

Esta edição, moderada por Vasco Dias, Encarregado de Proteção de Dados do INESC TEC e do ISPUP, contou com a participação de três oradores convidados, nomeadamente, Carla Barbosa, do Centro de Direito Biomédico da FDUC e da Comissão de Ética da ARS Centro, António Martins da Silva, do ICBAS e Presidente da Comissão de Ética do ISPUP, e Manuel Sobral Torres, Membro da Comissão de Ética do ISPUP.

“Esta iniciativa, que partiu do plano de implementação interno do RGPD, destina-se aos investigadores, cuja sensibilização para estas temáticas é crucial num instituto de investigação. Não só na perspetiva da conformidade legal da sua atividade, como na promoção de boas práticas em investigação e de excelência científica”, refere Vasco Dias.  

Com uma participação de cerca de 40 pessoas, este evento pretende ser regular até meados do próximo ano e tem como objetivo debater o tópico da proteção de dados pessoais em áreas de investigação e de aplicação, nomeadamente, em ciências da saúde e engenharia biomédica, em ciência de dados e inteligência artificial, em telecomunicações e IoT, bem como em ciber-segurança e sistemas confiáveis.